Ter Sucesso ou Fracassar?

TER SUCESSO OU FRACASSAR?

A Sabedoria está ligada intimamente ao sucesso, assim como incompetência aproxima-se do fracasso.

Todos têm os mesmos direitos ao sucesso, entretanto somente alguns poucos observam e praticam os detalhes exigidos durante a grande aventura da caminhada em busca do esperado sucesso. São pequenos detalhes que fazem as grandes diferenças.

Enganam-se os que entendem que o sucesso esta ligado ao objetivo das conquistas financeiras, essas conquistas são consequências naturais dos que fazem sucesso. O significado de Sucesso em qualquer dicionário é: resultado feliz, êxito, realização… etc.

Escolhi e transcrevi conforme experiências vividas, alguns tópicos que diferenciam as PESSOAS DE SUCESSO das PESSOAS DE FRACASSO.

A proposta é de suscitar através de análise e reflexão, em que estágio e aplicação de procedimentos se encontram cada um a caminho do sucesso pessoal ou profissional.

PESSOAS DE SUCESSO
 – Consideram a leitura como fator primordial e fundamental para as suas reflexões e a tem como principal relevância para o seu crescimento e desenvolvimento cultural, social e intelectual.
PESSOAS DE FRACASSO – Desprezam e não dão importância aos conhecimentos e experiências de terceiros através da literatura, não consideram a leitura a base da sabedoria e quando leem o fazem com deszelo e irresponsabilidade.

PESSOAS DE SUCESSO 
– Preocupam-se em seu preparo buscando novas informações e experiência para uma tomada de atitude no momento correto, geralmente antecipando as previsões.
PESSOAS DE FRACASSO – Desclassificam a qualificação e o preparo profissional considerando-se aptos e suficientemente capaz de exercer suas funções e quando em dificuldades procrastinam atitudes deixando-as sempre para a última hora, tornando-as em decisões sob pressão, quase sempre sem assertividade.

PESSOAS DE SUCESSO
 – São visionários, tem visão com foco definido, enxergando além do normal, com área de visão ampliada e prisma aprofundado, conseguem antecipar com atitudes e ações táticas positivamente assertivas.
PESSOAS DE FRACASSO – Retém atitudes com ações de visão míope, sempre desprezando e subestimando a orientação de pessoas ou profissionais com qualidade visionária.

PESSOAS DE SUCESSO 
– Definem com racionalidade o seu ambiente trabalho, não permitindo envolvimento emocional com superiores ou subordinados.
PESSOAS DE FRACASSO – Atuam sem critérios de relacionamento tratando a todos com variação de atitudes, comprometimento emocional e cumplicidade, apresentando um caráter indefinido e personalidade duvidosa.

PESSOAS DE SUCESSO – São sempre responsáveis utilizando criteriosamente os agendamentos para otimização dos compromissos do seu dia.
PESSOAS DE FRACASSO – São desorganizadas, não respeitam agendas e transferem responsabilidades para satisfazer os seus interesses.

PESSOAS DE SUCESSO – Criam estratégias definidas sob condições reais com  táticas que possibilitem mobilidades de ajustes imediatos utilizando ações  corretivas.
PESSOAS DE FRACASSO – Adotam estratégias confusas à luz de previsões irreais, superestimando objetivos com táticas gessadas e impermeáveis.

PESSOAS DE SUCESSO – Criam cenários favoráveis para atividades específicas, sejam em projetos, desenvolvimento ou produção utilizando objetivos focados com fatores valorizados por prioridades.
PESSOAS DE FRACASSO – Desprezam o rigor da organização, criando  cenários confusos onde projetos desenvolvimentos ou produção desviam-se dos seus verdadeiros objetivos, permitindo que as ações percam o seu time (tempo) de execução entrando na faixa de urgência.

PESSOAS DE SUCESSO – Utilizam a Ética como princípio profissional para valorização de suas funções pessoais e empresariais, no intuito de proporcionar espaços favoráveis para novas conquistas e viabilização dos seus projetos.
PESSOAS DE FRACASSO – Justificam as suas frustradas ações e atividades como sendo a Ética responsável por verdadeiras barreiras que impossibilitaram e causaram o insucesso de seus objetivos.

PESSOAS DE SUCESSO – Aumentam e frutificam a sua prosperidade instruindo pessoas com seus conhecimentos e despertando o desejo do crescimento pessoal e profissional a todos os seus iguais.
PESSOAS DE FRACASSO – Escondem os seus poucos conhecimentos fantasiando através de vantagens pessoais impressionando não só os incautos como também os esclarecidos.

PESSOAS DE SUCESSO – Com  bom animo são persistentes, crédulos em seus propósitos e jamais desanimam, pois acreditam em sua intelectualidade, poder de conclusão e clareza dos seus objetivos.
PESSOAS DE FRACASSO – Ao primeiro obstáculo desanimam, trocam seus objetivos iniciais por novos objetivos, um eterno recomeço, nunca chegam concluir qualquer projeto.

PESSOAS DE SUCESSO – Respeitam cargos e posições, tanto superiores como inferiores, praticam a humildade e estão sempre dispostos a ouvir e aprender.
PESSOAS DE FRACASSO – São altivos e negam-se mesmo que dissimuladamente em aprender e geralmente, por suas atitudes, optam pelo custo da humilhação a prática da humildade.

Provérbios: Cap.3 versículo 13/14
13 Bem aventurado o homem que acha sabedoria, e o homem que adquire conhecimento;
14 porque melhor é o lucro que ela dá do que o da prata, e melhor a sua renda do que o ouro mais fino.

Loja Virtual.

LOJA VIRTUAL

Você ja criou a sua Loja Virtual?

Ainda não?

Comece já divulgando o seu negócio na internet antes que seja tarde.

A corrida da divulgação virtual já é fato confirmado e de grandes possibilidades na área de marketing e vendas sendo desenvolvido e implantado por pequenas, médias e grandes empresas.

A empresa pode ser do segmento de Atacado, Varejo, Indústria ou Serviço, não importa, o principal é que o seu produto esteja sendo divulgado e apresentado na mídia da web.

É possível o desenvolvimento de vários formatos de apresentação: Blog, Site, Home Page, Vitrine Virtual, e-commerce e outros. O profissional da área de marketing indicará o melhor formato para atender com estratégia e qualidade a melhor apresentação para a sua empresa.

Após a inclusão da sua marca e ou produtos na rede mundial, vem a fase da manutenção. As atualizações deverão ser constantes e rotineiras para que o seu cliente visitante não perca a motivação, interesse e curiosidade pelas novidades apresentadas.

Por ter características próprias, e se bem  desenvolvida, essa atividade, possibilitará a criação de  um novo departamento dentro da sua empresa com receita independente.

Valorize o seu negócio utilizando da melhor forma  a tecnologia disponibilizada no mercado.

Visite : www.vejamaisdigitalbr.com

Populismo ou Popularidade?

POPULISMO OU POPULARIDADE?

O Governo de esquerda do Partido dos Trabalhadores criou, no ultimo governo, varias frentes de ofertas populistas chamadas de “Programas Sociais” com o único intuito de promover  seus intentos políticos para sua perpetuação  no poder.  Essa forma  de governo chama-se de “POPULISTA”

O Governo de direita do atual prefeito de São Paulo ganha forma e busca promover-se através de programas de incentivo ao trabalho e crescimento pessoal por méritos do próprio cidadão, para isso ele se transforma  em cidadão comum demonstrando em atitudes populares  as possibilidades  e meios de alcançar dignidade e  prosperidade  através do trabalho e comprometimento.  Essa forma de  governo chama-se “POPULARIDADE”

Os resultados e consequências do ultimo governo já são conhecidos da nação, agora resta-nos  acompanhar o novo formado e conferir se  os resultados dessa nova forma de governar resolverão os  grandes problemas sociais deixados pelo ultimo governo.

Agora teremos a oportunidade para julgarmos se adotaremos no futuro um governo “POPULISTA” ou governo que busca “POPULARIDADE”.

A Coragem em falar da Salvação.

A CORAGEM EM FALAR DA SALVAÇÃO.

O que aconteceu com a Palavra de Deus?

Teria a passagem dos  tempos tornado em  dialética os fundamentos do legado deixado por Jesus Cristo?

Porque não se prega com a mesma veemência nas igrejas os fundamentos anunciados por Paulo de Tarso sobre a salvação das almas?

Seriam os interesses  institucionais das igrejas que  proporcionaram  uma condição escusa ao verdadeiro propósito do anuncio das Boas Novas?

O povo é mais disposto as “ofertas” quando se prega prosperidade e libertação?

Se Jesus Cristo voltasse hoje encontraria os pregadores utilizando a Bíblia  como a imutável e  infalível  Palavra de Deus em prol da Salvação das Almas , ou a sabedoria nela contida sendo utilizada como meio de subsistência financeira pessoal e institucional?

São questões que os principais e ministros das igrejas, aparentemente,  não estão dispostos a pronunciar e argumentar com coerência   algum tipo de resposta.

A começar pela aparência física de alguns  cristãos que já não reflete a mesma “luz” de antes, percebe-se que as vantagens lucrativas, criadas pelos   maus intencionados e seus “estranhos estudos” através da Bíblia e seus misteriosos ensinamentos,  forjam verdadeiras amebas humanas da Palavra de Deus.

As consequências da má utilização das “coisas” Santas de Deus estão anunciadas na própria Bíblia, que no passado foram motivos de provocação da ira e decretos de justiça de Deus.

Talvez,  a fé de alguns esteja muito mais firmada nos  benefícios prometidos pela Palavra de Deus, que na Santa Doutrina e Salvação das Almas  esquecendo-se que Deus é misericordioso com os verdadeiros fiéis, mas um fogo devorador aos feitos dos ímpios e infiéis.

Que esses, com sobriedade, façam uma  análise e vejam o caos que aos poucos se instalam silenciosamente a sua volta.

Que Deus tenha misericórdia dos justos, apesar de estarem misturados, mas não contaminados pela impiedade, idolatria e luxuria, derramando o Poder da Sua Santa Justiça aos que indignamente  tomam em beneficio próprio Seus Santos, Gloriosos e Misteriosos Ensinamentos.

Capitalismo Socialitário.

CAPITALISMO SOCIALITÁRIO

O governo começa abrir seus cofres para investimento em mão de obra pública!

Considerando o investimento em mão de obra pública, inicia-se no Brasil o princípio do “CAPITALISMO SOCIALITÁRIO”.

Não há mais saída para os investidores!

Estamos cada  vez mais próximos  de assistirmos o CAPITAL a serviço da erradicação da miséria; não que está forma de investimento seja em benefício de alguma classe, mas atenderá aos investidores  em dois fatores fundamentais: retorno financeiro com ” cash turnover ” e a diminuição gradativa da base demográfica. ” MENOS PESSOAS, MAIS CONSUMO E MENOR INVESTIMENTO SOCIAL.”

Acredito que o Brasil será pioneiro na estratégia de aplicação do “CAPITALISMO SOCIALITÁRIO”

Empreendedorismo – Jogos de Empresa.

Empreendedorismo – Jogos de Empresa

As organizações e corporações em busca de  maior eficiência e economia em treinamentos e velocidade de capacitação de  colaboradores encontrou na modalidade de simuladores com  maior ênfase em jogos de empresas a solução para uma  grande dificuldade na área de instrução.

A tecnologia veio auxiliar e dinamizar o processo de treinamento com maior qualificação e economia por conta da velocidade da assimilação através do ambiente virtual e seus aplicativos com as mais diversas simulações de negócios fortalecendo as habilidades gerenciais, técnicas e comportamentais.

Esses ambientes simuladores conhecidos com “JOGOS DE EMPRESAS”  conquistaram espaços e grande influencia no aprendizado empresarial influenciando o emocional e racional com resultados significativos no fortalecimento de equipes, reforço da motivação e comprometimento pessoal possibilitando durante a dinâmica de grupo o aperfeiçoamento da cognição e  capacidades intelectuais no mais variados cenários.

Os jogos, apesar de muitas vezes permitir uma analogia de dimensão de vício de dependência e de reclusão e isolamento, quando direcionado para a instrução corporativa, tem muito o que colaborar principalmente quando se trata da geração y.

As dimensões do futuro  apontam para um empreendedorismo sistêmico de utilização de games  no ambiente empresarial para conquista  de vários fatores que compõe não só os processos produtivos e lucrativos da empresa assim como prospecção de novos clientes ao conquistar novos  espaços através de erros não prejudiciais aos processos por ter sido forjado em ambiente simulado e de forma virtual.